STJD tira mando do Grêmio em final por presença de filha de técnico em campo

O Grêmio perdeu o mando de campo da final da Copa do Brasil, contra o Atlético-MG. Nesta quarta (16), a 4ª Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) puniu o time gaúcho por conta da presença em campo de Carol Portaluppi, filha do técnico gremista Renato Gaúcho, ao final da partida contra o Cruzeiro. A decisão do título está marcada para 30 de novembro, em Porto Alegre.