Deic vai atuar contra grupos de pichadores em São Paulo

O secretário da Segurança Pública de São Paulo, Mágino Alves, afirmou nesta segunda-feira (23) que o Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) vai atuar contra o grupo de pichadores.

O Deic é especializado nas investigações contra o crime organizado e a pichação esta prevista apenas na Lei de Crimes Ambientais e tem pena prevista de detanção de 3 meses a 1 (um) ano e multa.

“O Deic vai atuar pontualmente toda vez que a gente perceber a existência de uma organização diferenciada visando a realização de pichações”, disse Alves durante agenda do governador Geraldo Alckmin.

Em 2015, a Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que ameniza a punição para quem picha edifícios e monumentos urbanos. A proposta acaba com a possibilidade de prisão para pichadores e estabelece como punição a prestação de serviços à comunidade por, no máximo, cinco meses.