Setor de shopping centers prevê um crescimento de 5% em 2017

Após um ano com números positivos, o setor de shopping centers prevê crescimento também em 2017, com aumento de 5% nas vendas feitas pelos estabelecimentos. “Isso mostra um panorama da importância e da eficiência na gestão dos empreendimentos, que possibilita mesmo em momentos adversos que conseguimos crescer,” disse o presidente da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), Glauco Humai. A Abrasce divulgou nesta terça-feira (31) os resultados de 2016 e as tendências para o setor este ano.

Em 2016 o setor faturou R$ 157,9 bilhões nos mais de 500 empreendimentos do país, resultando no crescimento de 4,3%. O Censo Abrasce mostrou que em 2016 foram inaugurados 20 empreendimentos, totalizando 558 shoppings em operação no Brasil, o que representa 3,7% de aumento em relação ao ano anterior.

Para 2017, estão previstos 30 novos negócios no país em 13 cidades que receberão o primeiro shopping. Este ano o setor deve investir R$ 166 bilhões entre novos empreendimentos, expansões e modernizações.

O número de empregos nos centros de compras também cresceram. Em 2016 foram registrados 26.302 novos postos de trabalho, o que representa 2,7% a mais do que o ano anterior. Para este ano, a expectativa também é otimista para quem procura uma vaga. A meta é que o setor empregue 52 mil pessoas.