Atentado suicida em mesquita na Nigéria deixa ao menos 50 mortos

Um atentado suicida a bomba matou ao menos 50 pessoas em uma mesquita no nordeste da Nigéria nesta terça-feira (21), em uma área que enfrenta a ameaça do grupo terrorista islâmico Boko Haram. O autor seria um adolescente, segundo a polícia local.
O ataque foi na cidade de Mubi, no Estado de Adamawa, que já foi controlado pelo Boko Haram, expulso da região em 2015. O grupo costuma atacar locais com grande concentração de pessoas, como mesquitas e feiras.
O grupo costuma usar adolescentes ou jovens mulheres como autoras dos ataques suicidas, algumas das quais haviam sido previamente sequestradas.
O ataque desta terça é o maior desde que 56 pessoas foram mortas em dezembro de 2016 por duas garotas-bomba suicidas em uma feira.
A campanha do grupo Boko Haram na região já matou cerca de 20 mil pessoas e forçou o deslocamento de 2 milhões desde 2009.

(Folhapress)
Foto: Divulgação