PM prende quadrilha que adulterava combustíveis na Grande São Paulo

Vinte e quatro pessoas foram presas por volta das 18h desta terça-feira (19) suspeitas de envolvimento com uma quadrilha que adulterava e distribuía combustíveis, na Vila Varela, em Poá (Grande São Paulo).
Uma denúncia anônima levou os policiais militares ao galpão na rua Guarapari, onde ocorria a adulteração. No local, eles flagraram a quadrilha fazendo o transbordo de combustível de caminhões-tanques e misturando nafta (derivado do petróleo) para aumentar a quantidade do líquido.
Ao menos dez caminhões-tanques foram apreendidos, entre eles dois com combustível e um com nafta (derivado do petróleo).
Um dos caminhões apreendidos foi interceptado pela PM na zona leste de São Paulo a caminho de um posto de combustível na avenida Marechal Tito. O motorista não informou o local da entrega.
Os presos não tinham notas fiscais do combustível e do nafta apreendidos. Eles também não informaram quais postos compravam o produto adulterado.
Técnicos da Petrobras e a perícia da Polícia Científica estiveram no local para colher amostras dos combustíveis para análise.
Os 24 presos foram levados ao 1º Distrito Policial de Poá. Segundo a PM, 17 deles têm antecedentes criminais.

(Folhapress)
Foto: Divulgação/PM