Substituto de Neymar, Richarlison marca e garante vitória do Brasil na Inglaterra

 

O atacante Richarlison salvou a seleção brasileira no último amistoso de 2018. Além de garantir a vitória por 1 a 0 sobre Camarões, no estádio Milton Keanes, nos arredores de Londres, na Inglaterra, o jogador do Everton foi o substituto de Neymar, que saiu com uma lesãon na virilha aos seis minutos do primeiro tempo. A seleção teve uma atuação ruim, principalmente no primeiro tempo, com problemas na criação das jogadas. Embora com atuações medianas, Tite venceu todos os amistosos depois da Copa da Rússia.

Apesar dos problemas ofensivos, a seleção encerra 2018 com um balanço positivo do ponto de vista defensivo. O time sofreu apenas três gols no ano, a melhor média da história. Os bons números esbarram numa coincidência infeliz: os dois gols que o time sofreu diante da Bélgica significaram a eliminação nas quartas de final da Copa da Rússia.

Algumas mudanças já estavam previstas em relação ao time que enfrentou o Uruguai. Com Marcelo lesionado, Alex Sandro assumiu a lateral esquerda – Filipe Luís foi titular contra o rival sul-americano. Paulinho ganhou uma vaga no meio-campo; Marquinhos e Pablo formaram a zaga.

O atacante Richarlison se consolidou como o melhor jogador da seleção nos dois últimos amistosos. Ele entrou com velocidade, apostando nas jogadas individuais. No final do primeiro tempo, ele acertou uma cabeçada perfeita e abriu o placar após cobrança de escanteio. Foi seu terceiro gol pela seleção. Outro destaque individual foi o volante Allan, do Napoli.

 

Foto:Lucas Figueiredo CBF