Aeroporto de Guarulhos retorna com as viagens internacionais

Após registrar queda de 88% no segundo trimestre em comparação com o mesmo período do ano anterior, o aeroporto de Guarulhos começa, aos poucos, a receber novamente os voos internacionais, cancelados por causa da pandemia do coronavírus.

As companhias aéreas estão se preparando para incluir novamente Guarulhos em suas rotas. A American Airlines, por exemplo, vai retomar as operações entre Miami e o GruAirtport a partir do dia 19 de agosto. Outros destinos americanos, como Nova York e Washington, operados pela United, têm previsão de retorno em 4 de agosto e 25 de outubro, respectivamente. O país vizinho, por meio da Air Canada, ainda não disponibiliza uma data, mesma situação da China.

O voo para Buenos Aires, outro destino muito procurado pelos brasileiros, retorna a Guarulhos em 2 de setembro, conforme anunciado pela Aerolineas Argentinas. As operações para o México foram retomadas no último dia 11. A chilena SKY volta a partir de 7 de setembro. A Copa Airlines, que atua no Panamá, pretende fazer viagens para Guarulhos um mês antes, em 7 de agosto.

As companhias europeias também ensaiaram um retorno. A Air Europa realizou o primeiro voo na última sexta-feira, 17. A A Air France segue operando voos entre Paris e Guarulhos, bem como a Edelweiss, responsável pelos voos para Zurique e a TAP, companhia portuguesa, que disponibiliza viagens para Lisboa. Em 1º de agosto, a British Airways pretende retomar as operações com destino a Londres. Madri, sob responsabilide da Iberia, somente em 3 de setembro. A Alitalia, entretanto, retorna apenas em outubro com as rotas envolvendo Roma, a capital da Itália. A Lufthansa não suspendeu a rota Frankfurt e São Paulo. Os voos para Munique, entretanto, não têm previsão. 

A Emirates, que opera entre Dubai e Guarulhos, retorna em 2 de agosto. Os voos entre São Paulo e Luanda, da TAAG, voltam um dia antes. Passageiros com destino à Casablanca devem encontrar passagens ainda no final deste mês. A Ethiopian está operando voos entre São Paulo e Addis Abeba, tal qual a Qatar Airways, que segue em atuação com voos para Doha. As viagens entre São Paulo e Istambul, da Turkish, têm previsão de retomada em 2 de setembro.

a Latam já retomou operações para Frankfurt, Londres, Madri, Miami e Santiago. Lisboa, Cidade do México, Ilhas Malvinas e Montevidéu retornam ainda em julho. A Avianca está vendendo passagens saindo do Brasil a partir de setembro deste ano.