Como aproveitar o Ibirapuera no fim de semana

Foto: mmaaurora/Pixabay

Para quem procura opções de cultura e lazer na capital paulista, a Urbia, gestora do Parque Ibirapuera, anunciou a programação para o fim de semana. Com funcionamento diário das 5h à 0h, o Ibirapuera está com as seguintes novidades:

Festival Turá

O Auditório Ibirapuera será palco do Festival Turá, nos dias 2 e 3 de julho. Dedicado às vertentes da música brasileira, o evento contará com apresentações de artistas como Emicida, Zeca Pagodinho, Duda Beat, Lagum, Xamã, Roberta Sá, Alceu Valença, Baco Exu do Blues com Marina Sena e Illy, BaianaSystem, Banda Baby, Luísa e os Alquimistas e Mart’nália. Os ingressos, disponíveis no site da T4F, custam de R?216 (meia-entrada pista para um dos dias — Lote 3) a R?840 (inteira Passaporte 2 dias — Lote 3).


Exposição do Tim Burton na Oca

A Oca, do Parque Ibirapuera, segue com a megaexposição “A Beleza Sombria dos Monstros: 13 Anos da Arte de Tim Burton”, até 14 de agosto. O evento permite que o público mergulhe na atmosfera peculiar e fantástica do pintor, ilustrador e cineasta Tim Burton, que dirigiu clássicos como Edward Mãos de Tesoura, Alice no País das Maravilhas, Dumbo e A Fantástica Fábrica de Chocolate. A exposição pode ser conferida de terça a domingo, das 9h às 21h. Os ingressos, que custam a partir de R?20,00, podem ser adquiridos na bilheteria oficial (Oca – somente nos horários/dias da exposição) e através do site Ingresso Rápido.

Programação do Planetário Ibirapuera

Planetário Ibirapuera vai exibir o espetáculo “Projeto Científico“. Com duração de 35 minutos, a sessão mostra a história de Neco e Silo, dois personagens pré-adolescentes habitantes do planeta Arconine, que acabam de ganhar um prêmio escolar por um projeto científico sobre o Sistema Solar. A sessão será no domingo (3), às 11h. Os ingressos custam R?20 (inteira) e R?10 (meia-entrada), com agendamento pelo mesmo site.

O Planetário também exibe a exposição “Da Terra Ao Universo“, que proporciona uma viagem deslumbrante através do espaço e do tempo ao universo revelado pela ciência, também estará em cartaz. Em projeção fulldome, cada sessão tem aproximadamente 35 minutos e é recomendada para público acima de 5 anos. As sessões ocorrerão na sexta-feira (1°), às 13h, 15h e às 17h; no sábado (2), às 13h, 15h e às 17h; e domingo (3), às 13h, 15h e às 17h. Os ingressos custam entre R? 15,00 e R? 30,00 e podem ser adquiridos pelo site.

O espetáculo “Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez” também poderá ser conferido no Planetário e destaca o céu de São Paulo, que há muito não se vê por causa da poluição luminosa e crescimento desenfreado da cidade. A sessão será no sábado (2), às 19h. Os ingressos custam R?20 (inteira) e R?10 (meia-entrada), e devem ser adquiridos pelo site.

Vale ressaltar que o Planetário Ibirapuera segue todos os protocolos de segurança vigentes. O uso de máscara é obrigatório durante toda a sessão e não será permitida a entrada de visitantes com alimentos e/ou bebidas para evitar a necessidade de retirada da máscara. É necessário chegar com antecedência de 30 minutos e não é permitida a entrada após a abertura da sessão.

Em atendimento ao Decreto nº 60.488, de 27 de agosto de 2021, para acesso ao local do evento é obrigatório a apresentação do comprovante de vacinação contra covid-19, com no mínimo a primeira dose. O comprovante pode ser físico ou digital (disponível nos aplicativos conecte SUS, Poupatempo Digital e E-saúde SP).

Quadras esportivas

Cinco novas quadras esportivas estão em pleno funcionamento no Parque: uma de futebol society, duas voltadas ao basquete e duas quadras livres para prática de esportes de areia – futevôlei, beach tênis e vôlei. Inauguradas por meio de uma parceria entre a Urbia e a Nike, os espaços foram desenvolvidos ouvindo as principais necessidades dos frequentadores do Parque e trazem o que há de melhor em infraestrutura para cada modalidade.

Vale ressaltar que todos os equipamentos são gratuitos e abertos ao público em geral. As quadras funcionam de acordo com o horário de abertura e fechamento do parque e não é necessário reservar. A utilização é feita por ordem de chegada.

Arte/Exposições no Parque

O Museu de Arte Moderna (MAM) está aberto de terça a domingo, das 10h às 18h (entrada até 17h30). Aos domingos, a entrada é gratuita, mas o visitante pode escolher se prefere entrar gratuitamente ou se deseja colaborar com algum valor. Os ingressos podem ser adquiridos por agendamento via site do MAM.

No sábado (2), a partir das 10h30, o Família MAM vai apresentar a atração “Entre Tramas e Fios”, uma oficina de mini tear com a artista visual e arte educadora, Amanda Falcão, com Cia de Cabelo de Maria. O encontro é inspirado na obra Retromemória, de Lenora de Barros, em diálogo com a Aranha de Louise Bourgeois, que durante anos ocupou a sala de vidro do MAM. As inscrições devem ser realizadas com 30 minutos de antecedência com o MAM Educativo na recepção do MAM.

Já as 16h, o MAM apresenta uma conversa com a artista Lenora de Barros que, na ocasião, vai mostrar as relações tecidas em sua obra “Retromemória”, em exposição na Sala de Vidro. A instalação se refere diretamente a obra “Aranha” (1996) de Louise de Bourgeois, que permaneceu no mesmo espaço por 20 anos. Os visitantes poderão refletir junto com a artista sobre como nossas experiências individuais se entrelaçam com a história de um determinado espaço. Lenora de Barros é Poeta e artista visual. A atividade é aberta ao público e as inscrições podem ser feitas com 30 minutos de antecedência com o MAM Educativo na recepção do MAM.

Já no domingo (3), às 14h, quem visitar o MAM poderá acompanhar o Sarau Poesia da Esquina, com a Coletiva Literária Sarau Poesia de Esquina. Em seu formato circular, essa atividade propõe o encontro entre o museu e o seu entorno por meio da poesia. O sarau apresenta narrativas sobre gêneros da arte literária, poetas contemporâneos e a cena atual de artistas independentes. O objetivo do encontro é dialogar e partilhar experiências culturais, convívio social e promover o desenvolvimento cultural, criando uma ponte de interação do artista com a poesia e do público com a arte. A atividade é livre e não necessita de inscrição prévia.

Já no Museu Afro, até quarta-feira (30) está em exposição “Arqueologia Amorosa de São Paulo”. A mostra percorre a memória da capital paulista, com personagens da vida artística e obras de grandes arquitetos. A exposição ocorre das 10h às 17h, e os ingressos custam entre R? 7,50 e R? 15,00, com entrada gratuita na quarta-feira. Para adquirir os ingressos é necessário acessar a página do Museu Afro Brasil.

Outra exposição que chega ao fim nesta quarta-feira (30) é “Padre Jesuíno do Monte Carmelo aos Olhos de Mário de Andrade”. A mostra traz grandes pinturas provenientes das igrejas das cidades de Itu e São Paulo, onde o padre exerceu seu ofício de pintor, músico e compositor, entre os séculos XVIII e XIX, o que inspirou o poeta Mario de Andrade a escrever sua biografia, lançada em 1945, após sua morte. Os ingressos podem ser adquiridos pelo mesmo site.

O Museu Afro conta com mais de 6 mil obras, como pinturas, esculturas, gravuras, fotografias, documentos e muito mais. Com diversos núcleos, o acervo tem a intenção de descontruir um imaginário da população negra como inferior e, ao invés disso, reafirmar no prestígio, na igualdade e no pertencimento. As inscrições devem ser realizadas pelo mesmo site.


Pavilhão Japonês

Localizado às margens do lago do Ibirapuera, próximo ao Planetário e ao Museu Afro Brasil, o Pavilhão Japonês é o local ideal para quem deseja aprender mais sobre a cultura japonese. O edifício, construído por meio de uma parceria entre o governo japonês e a comunidade nipo-brasileira, conta com um salão nobre e diversas salas anexas. Em seu Salão de Exposição é possível conferir peças doadas pelo governo japonês que retratam as belezas do Japão. No espaço, também é possível conferir o jardim repleto de plantas e árvores ornamentais, além de um lindo lago de carpas.

Para quem deseja saborear algumas das delícias da culinária japonesa, o Pavilhão também conta com um restaurante estilo take away, o Na Na Ya, que serve opções variadas de pratos doces e salgados. O horário de funcionamento do Pavilhão é de quinta-feira a domingo e, também, aos feriados, das 10h às 17h. Vale ressaltar que a entrada é gratuita às quintas-feiras. O valor do ingresso para adultos custa R?15. Estudante com carteirinha, idosos a partir de 60 anos e crianças de 5 a 12 anos pagam meia-entrada R?7. Já crianças abaixo de 4 anos não pagam.


IbiraBike

O Parque Ibirapuera oferece a locação de bicicleta infantil e adulto, triciclo infantil, adulto e handbikes (bicicletas acessíveis às pessoas com deficiência) pelo valor de R?10 a primeira hora. Já a bike família está disponível pelo valor de R?30 a primeira hora. Para incluir cadeirinhas frontais e ou traseiras para crianças e pets nos modais é cobrado um adicional de R? 5 no custo da hora. Vale ressaltar que a locação desses modais pode ser feita nos portões 4, 6, 9 e 10, das 8h às 19h, com a devolução até às 20h.


Visita Guiada — IbiraTour

Para quem deseja conhecer a história e as curiosidades arquitetônicas por trás de um dos principais parques da capital paulista, a Urbia disponibiliza o IbiraTour, um circuito guiado realizado com apoio de carrinhos elétricos. Com duração de 45 minutos, os carrinhos têm capacidade para transportar até quatro pessoas por vez em um circuito sem pausas ou descidas durante o trajeto. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 10h às 18h. O passeio está com preço promocional de R?25, com opções de pagamento em dinheiro, crédito e débito. O ponto de embarque e desembarque fica no Portão 4.


Centro de Visitantes

Para obter informações sobre a programação cultural do Ibirapuera, bem como as atividades esportivas e de lazer, basta comparecer ao Centro de Visitantes do Parque Ibirapuera. Com horário de funcionamento das 8h às 18h, o espaço fica localizado no térreo da Escola Municipal de Astrofísica, no salão de exposições temporárias, e conta com uma maquete com os principais pontos de interesse, painéis informativos e monitores prestando informações.


Alimentação

Vendedores autônomos de bebidas, água de coco, alimentos e brinquedos: atendimento das 5h às 23h.

Lanchonetes: Sabor Ibira e Madureira estão abertos das 7h às 20h. O Sabor Ibira, agora, oferece cervejas em seu menu, mas não é permitida a saída com garrafas de bebidas alcoólicas do espaço.

Quiosques: Casa do Pão de Queijo, das 7h às 19h; Nutty Bavarian, das 7h30 às 20h; Oakberry, das 8h às 22h; Bacio di Latte e Pipoca no Parque, das 8h às 20h.

Restaurantes: Prêt MAM (Restaurante) funciona de terça a sexta-feira, das 12h às 16h, e aos sábados, domingo e feriados, das 12h30 às 17h. Já o Restaurante Selvagem funciona de terça a sexta-feira, das 19h às 23h; aos sábados, das 12h às 16h (almoço) e 19h às 23h (jantar); e aos domingos, das 12h às 17h.

Cafés: Pão Bienal, funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h, e de sexta a domingo, das 8h às 18h, e Prêt MAM (Café) atende todos os dias, das 10h às 16h.

Área Gastronômica iFood: sábados e domingos, das 9h às 18h.


Outros serviços

Quadras Poliesportivas: funcionam todos os dias, das 5h às 23h.

Estacionamento: Portão 7 funciona diariamente, das 6h às 20h, com saída de veículos até às 23h. Já o Portão 3 opera das 5h às 23h.

Posto de Atendimento em Primeiros Socorros: atendimento diário das 7h às 19h.

Banheiros: 1,2 e 3 abrem das 6h às 18h. Já os banheiros 5,6,7 e 8 abrem das 5h às 23h.

Para mais informações acesse as redes sociais do Parque Ibirapuera. Instagram: @ibirapueraoficial. Facebook: Parque Ibirapuera.

Único jornal diário gratuito no metrô