Share
Corpos de mais 3 vítimas do incêndio no CT do Flamengo são enterradas

Corpos de mais 3 vítimas do incêndio no CT do Flamengo são enterradas

Mais três atletas do Flamengo que perderam a vida após o fogo consumir o alojamento em que viviam, no Centro de Treinamento do clube, foram enterrados neste domingo. Foram sepultados os corpos dos goleiros Christian Esmério, de 15 anos, Bernardo Pisetta, de 14, e do atacante Vitor Isaías, de 15.
O corpo de Christian Esmério foi enterrado por volta do meio-dia no cemitério do Irajá, na zona norte do Rio de Janeiro. Durante o velório, pelo menos 400 pessoas passaram pelo local – um ônibus fretado levou os amigos do atleta ao local. Antes do sepultamento, o pai do goleiro pediu que todos cantassem o hino do Flamengo e a mãe do jogador precisou ser amparada e medicada.
Os corpos dos outros dois atletas foram para Santa Catarina. O goleiro Bernardo Pisetta foi sepultado em Indaial e Vitor Isaías, o Vitinho, foi enterrado em Biguaçu.
Dois dos garotos sobreviventes da tragédia estão na expectativa de deixarem a UTI do Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, no Rio, e serem transferidos nos próximos dias para os quartos. Cauan Emanuel Nunes, de 14 anos, e Francisco Dyogo Alves, de 15, receberam neste domingo visitas de familiares, que expressaram otimismo na recuperação deles e contaram estarem alegres ao ver os meninos evoluírem.
Segundo o boletim médico divulgado pelo clube, Cauan poderia ir para o quarto ainda neste domingo. Já Francisco deverá aguardar por mais alguns dias, pois tem reclamado de dores no peito e sente dificuldades para respirar por ter inalado muita fumaça. Os dois se alimentam bem, conversam com os familiares e têm demonstrado bom humor durante os últimos dias.
O pai de Francisco Dyogo, Francisco José Pereira, veio de Fortaleza para acompanhar a recuperação do filho. “Ele está bem, está evoluindo, conversa normal. Só está um pouco ruim para respirar, precisa de ajuda de aparelhos. Mas a situação está tranquila”, disse. O pai do jogador das categorias de base do Flamengo comemorou aniversário neste sábado e demonstrou emoção por poder completar a data ao lado do filho.
O outro sobrevivente, Jhonata Ventura, está em estado grave e internado em outro hospital, o Pedro II. Com queimadura em 30% do corpo, o garoto continua sob intensos cuidados médicos. Ainda no domingo, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), foi ao hospital para acompanhar a recuperação. De acordo com nota enviada pelo Flamengo, ele está sedado em ventilação mecânica e teve febre nas últimas 24 horas.

Deixe seu Comentário