Share
Tuma assume a prefeitura de São Paulo por uma semana; Covas está de  licença

Tuma assume a prefeitura de São Paulo por uma semana; Covas está de licença

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, está de licença do cargo entre os dias 9 e 15 de março. O motivo do afastamento não foi divulgado e a licença não será remunerada. Neste período, o presidente da Câmara, vereador Eduardo Tuma (PSDB) assumirá a prefeitura da cidade. Covas, que assumiu o cargo após a renúncia do então prefeito João Doria para concorrer ao governo estadual, não tem vice.

“Em ofício enviado hoje à Câmara Municipal, o prefeito Bruno Covas comunicou que estará de licença do cargo, com prejuízo dos vencimentos, entre os dias 9 e 15 deste mês. Neste período, o presidente da Câmara, Eduardo Tuma, assumirá o cargo.”, informou nota divulgada pela prefeitura.

Tuma tem 37 anos, foi eleito vereador em 2012 para o seu primeiro mandato, e reeleito em 2016. Foi secretário da Casa Civil da Prefeitura de São Paulo em abril deste ano. Sobrinho do ex-senador Romeu Tuma, o vereador tomou posse como presidente da Câmara no dia 1º de janeiro. Esta é a primeira vez que ele assume a Prefeitura de São Paulo.

Como São Paulo não tem vice-prefeito (o vice era Covas, que assumiu a prefeitura em abril do ano passado depois que João Doria renunciou ao cargo para concorrer ao governo), o presidente da Câmara assume todas as vezes que Covas se ausentar.

Tuma recebeu mais de 70 mil votos e foi o quinto vereador mais votado de São Paulo.

Foto: VIDE AGUIAR

Deixe seu Comentário