Gestão nega ‘pedaladas’; diz que bateu recorde de investimentos

A gestão Haddad afirma que “a Prefeitura bateu o recorde de investimentos com R$ 17 bilhões, mesmo diante de uma queda de 5% do PIB registrado no último quadriênio”. “O que deve ter incomodado o nobre vereador [Natalini] é que no período em que ele fazia parte do governo Kassab, entre 2009 e 2012, os valores de investimento foram de R$ 15 bilhões com um PIB positivo de 12%”, acrescenta a nota da prefeitura.

A administração afirma que a gestão fez o repasse dos recursos das multas ao Fundo Nacional de Segurança do Trânsito. “Apesar dos recursos serem retidos e repassados diretamente por órgãos e instituições alheias ao Município, ainda assim o Município informa que implantou em 2016 rotina de monitoramento como forma de comprovar que tais órgãos tem cumprido suas obrigações de retenções do Funset”, afirma a nota.

O comunicado também nega as “pedaladas”. Sobre os o adiantamento de recursos para obras do PAC, o município afirma que se trata de medida regular. “Seria estranho que o TCM recomendasse que o Município paralisasse obras em andamento e imprescindíveis para o Município e com relevantes impactos sociais e econômicos para a população (ex. hospitais, CEUs, obras de drenagem e mobilidade) para iniciar outras novas frentes de obras de forma genérica”, afirma nota da prefeitura.

Foto: Wilson Dias/Abr