Faixa de ônibus paralela à Paulista tem trânsito e infrações na estreia

INFRAÇÃO – O valor da multa para quem desrespeita as faixas exclusivas é de R$ 191. É considerada infração gravíssima, descontando 7 pontos da carteira de habilitação

O primeira dia das faixas exclusivas de ônibus nas ruas paralelas à avenida Paulista foi marcado por trânsito e infrações na tarde deste domingo (11). Segundo agentes de trânsito ouvidos pela reportagem, porém, como trata-se do início de funcionamento, os motoristas terão ao menos uma semana para se adaptar antes que as multas comecem a ser aplicadas aos carros que ocupam as faixas da alameda Santos e da rua São Carlos do Pinhal, por exemplo.

Por volta das 14h30, o trânsito estava parado na avenida Rebouças, bem no acesso à alameda Santos, onde começa a faixa exclusiva. Em 15 minutos, a reportagem flagrou 33 carros trafegando irregularmente pela faixa. Muitos deles ainda sem entender a novidade. “A gente não sabia que isso estava valendo, mas agora vamos ficar mais atentos”, disse o empresário Pedro, 39, que foi à Paulista com a mulher e os dois filhos.

Alguns dos motoristas saiam assim que se deparavam com a placa piscante. O trânsito já carregado da avenida Rebouças em direção à Paulista aos domingos ficou pior a partir da alameda Itu, quando os motoristas já começam a se deslocar para a esquerda a fim de entrar na alameda. No local, o trânsito seguia carregado até o cruzamento com a rua Augusta, fluindo melhor dali em diante.

Quem andava de ônibus também esperou um pouco mais pelos coletivos. “Faz uns 20 minutos que estamos aqui e vimos que tem muito carro passando na faixa de ônibus”, disse a vendedora Cristiane Lima, 40. Segundo ela, por causa do trânsito na avenida Rebouças, os ônibus em direção à zona sul estavam demorando um pouco mais para chegar.

O trânsito seguia com poucos pontos de congestionamentos, mas muitos motoristas também ignoravam a existência da faixa. O valor da multa para quem desrespeita as faixas exclusivas é de R$ 191. É considerada infração gravíssima, descontando 7 pontos da carteira de habilitação.