Governo libera área na zona norte para linha 6-laranja do metrô de SP

SÃO PAULO, SP, 22.06.2016: METRÔ-SP - O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), durante início das obras da Estação João Paulo I da Linha 6-Laranja de Metrô de São Paulo, nesta quarta-feira (22), na zona norte de São Paulo (SP). (Foto: Mario Angelo/Sigmapress/Folhapress)

O governador Geraldo Alckmin assinou o decreto de utilidade pública de mais uma área para o empreendimento da linha 6–laranja de metrô, no último dia 24 de agosto.  A desapropriação no valor 458.944,64 fica na zona norte da cidade. A nova área ampliará o terreno destinado a abrigar o pátio de estacionamento e manutenção de trens, chamado Pátio Morro Grande.

Mais de R$ 1 bilhão, o equivalente ao valor total das 370 desapropriações previstas para a implantação da linha, já foi depositado em juízo pelo Governo do Estado de São Paulo. Em fase avançada, mais de 90% das imissões de posse já foram concluídas.

O principal poço de ventilação e saída de emergência – localizado na marginal Tietê próximo à ponte da Freguesia do Ó já está pronto para receber os dois tatuzões que vão construir o túnel da Linha 6. O tatuzão sul, responsável pela construção de 2/3 dos 15 quilômetros de túnel já chegou ao País e deve iniciar sua montagem até o final deste ano e começar as escavações em 2017.  Nove frentes de trabalho estão com obras em andamento, entre estações, poços de ventilação e o pátio de estacionamento e manutenção de trens.

 

Único jornal diário gratuito no metrô