CCJ recebe abaixo-assinado contra indicação de Alexandre de Moraes

Estudantes de direito e representantes de organizações da sociedade civil entregaram nesta segunda-feira (20) à CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado abaixo-assinado em que se manifestam contra a indicação de Alexandre de Moraes para o STF (Supremo Tribunal Federal). Moraes será sabatinado nesta terça (21) pela comissão.

O grupo estava acompanhado por senadores da oposição e membros da CCJ, que apresentaram à comissão um requerimento para que as assinaturas sejam anexadas ao processo da sabatina. O abaixo-assinado reuniu 270 mil assinaturas de internautas, que foram recolhidas pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais e a organização não governamental Conectas Direitos Humanos.

Para o grupo de estudantes, Alexandre de Moraes, que está licenciado do cargo de ministro da Justiça, não reúne as condições necessárias para ser indicado para a Corte. Na semana passada, outro grupo ligado a movimentos sociais entregou um manifesto sugerindo uma candidatura alternativa a de Moraes.

Moraes será sabatinado nesta terça-feira (21) pelos membros da CCJ do Senado. Ele é o indicado do presidente Michel Temer para ocupar a vaga de ministro do STF, em decorrência da morte de Teori Zavascki em janeiro. A sessão está marcada para começar às 10h.