Em e-mail de 2013, Fifa disse que título do Palmeiras era ‘Mundial de Clubes’

Desde que começou a reivindicação do Palmeiras para equiparação da Copa Rio de 1951 ao Campeonato Mundial de Clubes, a Fifa sempre se manifestou classificando o torneio em inglês como “worldwide”, de âmbito mundial. Há um documento, porém, em que a entidade que regula o futebol no mundo tratou a conquista de 1951 como “Copa do Mundo de Clubes”.

Em 2013, um ano antes do congresso da Fifa em São Paulo em que Joseph Blatter declarou ter havido o reconhecimento, a Fifa enviou um e-mail ao então ministro dos Esportes, Aldo Rebelo.

O documento chama o torneio de 1951 de primeira Copa do Mundo de Clubes (“first club World Cup”). Consultada sobre este documento, a Fifa voltou a dizer que considera a Copa Rio como um torneio pioneiro e o Palmeiras como seu campeão. Mas sem igualá-lo aos mundiais desde 2000. Diz o mesmo sobre as Copas Intercontinentais.

Em réplica, com a mensagem enviada a Aldo Rebelo em 2013, a assessoria de imprensa da Fifa apenas repetiu o conteúdo da mensagem anterior: ”Consideramos respondida a pergunta em nossa mensagem anterior.” Aldo Rebelo lembra-se de ter recebido o e-mail e também da ata da reunião com a confirmação do título mundial. No documento, no entanto, está incluída a expressão “worldwide” (âmbito mundial).