Teatro-documentário ‘Fome.doc’ estreia no CCSP

A fome atinge, hoje, em todo o planeta, cerca de 800 milhões de pessoas. Depois de 25 anos diminuindo, esse número ameaça crescer novamente: de 2015 para cá, o número somado de pessoas passando fome na Nigéria, Somália, Sudão do Sul e Iêmen aumentou em 20 milhões.

Para mergulhar a fundo na questão, a Kiwi Companhia de Teatro criou Fome.doc, seu novo espetáculo, que estreia no Centro Cultural São Paulo (CCSP). Em cartaz de 14 de julho a 20 de agosto, o teatro-documentário tem sessões às sextas e sábados, às 21h, e aos domingos, às 20h. Os ingressos custam R$ 10 e R$ 5 (meia-entrada).

Sob a direção de Fernando Kinas, que também assina o roteiro, a peça se propõe a fazer um panorama da fome sob diferentes ângulos, unindo aspectos históricos, políticos e culturais para revelar a desumanização no mundo da mercadoria.

O diretor usa diferentes linguagens, como música ao vivo, exibição de imagens e até o burlesco, e diferentes ângulos para abordar o tema. Franz Kafka, Shakespeare, Beethoven, João Cabral de Melo Neto e Graciliano Ramos aparecem como referências e inspirações de Kinas.

Quatro acontecimentos compõem a coluna vertebral da montagem: o extermínio de indígenas no continente americano, os três séculos e meio de escravidão no Brasil, o holocausto judeu na Europa e as novas formas de colonialismo no Oriente Médio, América Latina e África.

 

Serviço:

Fome.doc

De 14/07 a 20/08: domingos, às 20h, sextas e sábados, às 21h

CCSP – Centro Cultural São Paulo

Rua Vergueiro, 1.000,  Liberdade

Telefone: (11) 3397-4002

Estação Vergueiro (Metrô – Linha 1 Azul)