Ecorodovias vence leilão de concessão de trecho Norte do Rodoanel com oferta de R$ 883 milhões

A Ecorodovias Infraestrutura e Logística Ltda venceu nesta quarta-feira (10) o leilão de concessão do trecho Norte do Rodoanel. Com uma proposta de R$ 883 milhões ela bateu a única rival no certame, a Autostrade Concessões e Participações Brasil, do grupo italiano Atlantia, que apresentou proposta de R$ 517,8 milhões.

A oferta da Ecorodovias, empresa que controla entre outras estradas o Sistema Anchieta-Imigrantes, envolveu um ágio de 90,97% em relação ao valor mínimo fixado pela outorga, de R$ 462,3 milhões. Já a Atlantia apresentou um ágio de 12%. Como a diferença entre as propostas foi superior a 10%, não foi necessária a etapa em viva-voz para definir a vencedora da disputa.

O leilão aconteceu na sede da B3 (ex-BM&F/Bovespa) e contou com a presença do governador Geraldo Alckmin. Após o leilão, o governador destacou a importância da medida. “É o primeiro leilão de concessão do ano no Brasil e com absoluto sucesso. Mostra a confiança em São Paulo e no nosso país com a disposição de participação da iniciativa privada. Estamos dando um passo numa modernização do Brasil. O governo não deve ser provedor de tudo porque não tem dinheiro pra tudo e nem deve ser executor de tudo, mas tem papel importante de planejador, regulador e fiscalizador”, disse Alckmin.

A concessão de 30 anos prevê investimentos em obras que somam R$ 581,5 milhões para o Trecho Norte. Como trata-se de uma concessão com foco em operação, mais que o dobro desse valor, R$ 1,2 bilhão, será investido pela concessionária para manter os 47,6 quilômetros do Trecho Norte seguindo as exigências de elevado padrão operacional do Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo. Considerando ainda a outorga proposta hoje, a concessão do Trecho Norte viabiliza R$ 2,6 bilhões em recursos para o Estado de São Paulo.