Caixa vai oferecer aos clientes novo sistema de pagamentos PIX

A CAIXA vai oferecer a todos os seus clientes o novo sistema de pagamentos e transferências, PIX. A novidade estará disponível a partir do dia 16 de novembro para aqueles que utilizam o app da CAIXA no celular. Até o final de novembro, o CAIXA Tem e o Internet Banking CAIXA (para uso em PC, notebooks, tablets, entre outras plataformas) vão oferecer a ferramenta.

Para o presidente da CAIXA, Pedro Guimarães, o PIX traz uma nova dinâmica ao mercado de pagamentos. “Os clientes passam a realizar transações de maneira simplificada e com menor custo, contribuindo para o surgimento de novos modelos de negócios”, afirma.

PIX:

Desenvolvido pelo Banco Central do Brasil, o PIX vai funcionar 24 horas por dia, sete dias por semana. As transações realizadas pela ferramenta serão instantâneas, com menor custo e alta segurança.

Além disso, o PIX oferece simplicidade. Não será mais necessário informar número de conta e agência. O cliente poderá utilizar o CPF, CNPJ ou mesmo o número de telefone ou e-mail do destinatário para realizar uma transferência, por exemplo. O cliente também poderá realizar transações por meio do QR Code estático ou dinâmico ou informando os dados bancários do recebedor.

O novo sistema é uma alternativa aos modelos de pagamento já existentes, como TED/DOC. “Com a entrada em operação do PIX, poderemos fortalecer o relacionamento com os nossos correntistas e poupadores, reduzir os riscos de evasão e aumentar nossa competitividade frente às fintechs e demais bancos, considerando o aumento de clientes advindos de ações como o Auxílio Emergencial e Saque Emergencial do FGTS”, avalia Guimarães.

O banco preparou ainda, uma página na internet com outras informações e dicas para os seus clientes. O material pode ser conferido em www.caixa.gov.br/pix.

Lançamento do PIX:

A data de lançamento oficial do PIX está prevista para 16 de novembro de 2020, de acordo com o calendário:

  • 05 de outubro: Início do processo de registro das chaves PIX;
  • 03 de novembro: Início da operação restrita do PIX;
  • 16 de novembro: Lançamento do PIX para toda a população.